Mauá 360 - O Porto do Rio

Destaques
Mauá 360 - O Porto do Rio
Início: 
terça-feira, 13 de dezembro de 2016
Término: 
terça-feira, 13 de dezembro de 2016
Local:
Auditório do Museu do Amanhã
Horário:
ter 14h-18h

O programa Mauá 360, uma iniciativa da área de Relações Comunitárias do Museu do Amanhã, chega a sua segunda edição, dia 13 de dezembro, às 14h, como parte das celebrações de 1 ano do museu.

Mauá 360 - O Porto do Rio / A região portuária ontem, hoje e amanhã apresenta como ponto de partida o documentário “O Porto do Rio” (ficha técnica aqui) dirigido pela cineasta Luciana Bezerra e o arquiteto Pedro Évora. Após a exibição convidamos a todos para um debate sobre o tema com alguns dos entrevistados e moradores da região.

Inscreva-se gratuitamente no final desta página

O documentário narra, através de entrevistas com moradores e técnicos, a transformação urbana da região portuária da antiga capital do Brasil promovida pelo projeto Porto Maravilha até a queda da Perimetral. O filme percorre a vertente cultural do samba na região para contar a história do principal porto de escravos das Américas e sugerir caminhos para o amanhã dessa região no coração do Rio de Janeiro. 

Hoje, dois anos após a queda da Perimetral, onde estamos? Como a população participa desse processo? Quais são as nossas expectativas para os próximos dois anos? Venha debater conosco!

Veja a programação completa:

14:00 às 14:20

Apresentação Mauá 360: Laura Taves – gerente de Relações Comunitárias 
Boas vindas: Luiz Alberto Oliveira – curador do Museu do Amanhã 
Apresentação do filme: Pedro Évora e Luciana Bezerra – diretores do filme 
 
14:30 as 15:40: Exibição do filme documentário "O Porto do Rio"
 
15:40 às 16:00: Intervalo e café.
  
16:00 às 17:00: Mesa 01
Desafios e possibilidades: A região hoje, o que está sendo pensado, debatido e realizado? Como os moradores participam nos processos de desenvolvimento de uma região em constante transformação?
 
Merced Guimarães é fundadora do Instituto de Pesquisa e Memória Pretos Novos - IPN que tem por finalidade a reflexão sobre a escravidão no Brasil, assim como o desenvolvimento de projetos educativos e de pesquisa para a preservação da memória dos Pretos Novos.
 
Eliane Costa é professora e coordenadora do MBA de gestão e produção cultural da FGV e uma das fundadoras do bloco Escravos da Mauá, que desfila pela região portuária desde 1993. Dirigiu e produziu o cd-rom Circuito Mauá: Saúde, Gamboa e Santo Cristo, que, em 1998, recebeu o Prix Moebius América Latina.

Maurício Hora é fotógrafo e ativista, nascido e criado no Morro da Providência, e coordenador do projeto Casa Amarela, ONG que se dedica a fomentar a cultura e a arte no Morro.
 
17:00 às 18:00: Mesa 02
O que será o Amanhã: Quais as expectativas para a região portuária e o seu impacto na cidade, nos próximos dois anos?

Demetre Anastassakis é arquiteto e urbanista, e professor. É sócio diretor de Autografics Arquitetura e Planejamento Ltda. Foi presidente do IAB RJ-Instituto de Arquitetos do Brasil e da Direção Nacional do IAB. Foi membro do Conselho Estadual das Cidades do RJ, representando o Governo Estadual, e membro do Conselho Nacional das Cidades representando o IAB Nacional. Junto com Cláudia Mello foi autor do projeto de habitação Moradas da Saúde.

Luiz Fernando Janot é arquiteto e urbanista com mestrado em urbanismo, professor da UFRJ. Foi presidente do Instituto de Arquitetos do Brasil. É Conselheiro Federal do Conselho de Arquitetura e Urbanismo - CAU/Brasil, membro do Conselho Superior do IAB, e articulista do jornal O GLOBO. 

Daniel Kraichete é designer industrial, curador e consultor em inovação e design. É diretor do Distrito Criativo do Porto e um dos responsáveis pelo Rua CityLab.

Encerramento: Luiz Alberto Oliveira, curador do Museu do Amanhã.